Menu

Variáveis do treinamento de força

Geralmente os praticantes de treinamento de força, também conhecido como Musculação, pensarem que o aumento ou redução da carga é a única forma de manipular a intensidade de treino. Errado! Para limpar esse mito da cabeça da população precisamos entender desde os aspectos conceituais de cada variável da musculação até as aplicações práticas. Para tanto, segue uma lista das variáveis com os respectivos conceitos:

 

  • Repetição: É a execução completa de um ciclo de movimentos.

 

  • Série: É a execução de um grupo de repetições, desenvolvidas de uma forma contínua, sem interrupções.

 

  • Carga: É a massa, normalmente expressa em quilos (kg), utilizada para oferecer resistência à execução de um exercício.

 

  • Intervalo entre séries: É o período que se deve levar entre o fim de uma série e o início de outra.

 

  • Intervalo entre exercícios: É o período que se deve levar entre o fim de um exercício e o início de outro.

 

  • Velocidade de execução: é o tempo que se leva para completar cada fase de repetição.

 

  • Intensidade: Está mais próximo ao conceito de qualidade, sendo definido como a alteração aguda que o treino promove no equilíbrio do sistema dentro de uma determinada unidade quantitativa.

 

  • Volume: É a medida da quantidade total de trabalho realizada. Geralmente é expresso pela multiplicação da CARGA X Nº DE SÉRIES X Nº DE REPETIÇÕES.

 

Achou interessante e quer ter acesso a mais conteúdos formativos e informativos?

 

Fique de olho na próxima postagem!

João Pedro: Graduado em Educação Física / Mestrando em Ciências da Saúde (@navesjp)
Ricardo Viana: Graduado em Educação Física / Doutorando em Ciências da Saúde (@prof.ricardoviana)

João Pedro: Graduado em Educação Física / Mestrando em Ciências da Saúde (@navesjp) Ricardo Viana: Graduado em Educação Física / Doutorando em Ciências da Saúde (@prof.ricardoviana)

No comments

Deixe uma resposta

UserOnline

SAIBA MAIS