Menu

Treinamento de força para Idosos

Quando idosos existem as implicações funcionais de uma idade avançada. O envelhecimento está associado com uma redução da força e da massa muscular, das unidades motoras, da capacidade aeróbica, da reserva hormonal, além de várias outras alterações fisiológicas. Com isso há uma redução da velocidade máxima de marcha, da capacidade de realizar as atividades do cotidiano, da aptidão para subir escadas ou levantar-se de uma cadeira, além de outras dificuldades e incapacidades, que ao executar determinadas tarefas pode-se representar, no idoso, um esforço máximo ou supra-máximo, o que acarretá num descondicionamento, a perda da independência e a utilização mais freqüente de serviços médico.

O treinamento de força leva a um  processo de ganhos de força e hipertrofia inclui um turnover dinâmico das proteínas muscular onde o músculo esquelético no idoso é capaz de responder ao estímulo proporcionado pelo exercício, aumentando preservação da densidade óssea à medida que aumentam a massa e a força musculares. Esta adaptação do organismo ao treinamento de força poderia reduzir o estresse imposto durante as atividades cotidianas, tais como carregar objetos em casa ou no trabalho.

Sendo conclusivo que o treinamento de força e um tipo seguro de exercício mesmo para os idosos frágeis. Pois programas de exercício, podem prevenir algumas das perdas e podem auxiliar na recuperação da capacidade funcional no idoso. Além de que o treinamento de força traz benefícios importantes nas esferas fisiológica, funcional e psicológica.

No comments

Deixe uma resposta

UserOnline

3 VIDEOS DE GRAÇA

Lhe EnsInarão A Perder Sua Gordura De Forma 100% NATURAL.

SAIBA MAIS