Menu

CrossFit: Um comentário sobre a modalidade

O Crossfit é uma modalidade de treinamento funcional de alta intensidade e vem ganhando grande notoriedade no meio fitness e estético. A maioria das pessoas buscam essa modalidade visando melhorar a estética corporal, principalmente com o objetivo de reduzir o percentual de gordura corporal. No entanto, as críticas relacionadas ao CrossFit acontecem fortemente. Um dos pontos mais contestados é a questão do esforço (máximo) e com um alto volume de treino. Se relembrarmos um dos princípios do treinamento esportivo, vamos ao encontro da interdependência entre volume e intensidade, ou seja, essas variáveis são inversamente proporcionais. O que quero dizer? Se um treino é com intensidade alta, o volume é baixo e vice-versa.

Outro ponto que vale a pena ser lembrado é o fato de todas as articulações serem trabalhadas “todos os dias”. Quando falo todos os dias, quero dizer que, se o aluno vai ao box de CrossFit 5-6 vezes por semana, ele vai trabalhar as articulações em todos esses dias. Daí, se voltarmos novamente aos princípios do treinamento desportivo, vamos encontrar que o descanso é tão importante quanto o treino, uma vez que, é no descanso que acontece o desenvolvimento, nossa evolução. Além disso, vale ressaltar que o descanso potencializa a recuperação e evita possibilidades de desencadear lesões. Quando temos uma acúmulo de sobrecarga, aumenta-se as chances de lesões, como foi mostrado por Sprey et al (2016) quando questionaram 132 participantes e viram que 74% já se lesionaram, sendo mais comum as lesões nos ombros,  coluna lombar e cotovelos, além de 9 indivíduos passarem por alguma cirurgia. Vale ressaltar que, quanto mais treinado nessa modalidade, maiores as chances de lesão (Sprey et al, 2016).

Porém, existem pontos positivos relacionadas a essa modalidade. Não podemos deixar de ressaltar o quanto o CrossFit contribui para o lado social. A formação de “tribos”, aquela busca incessante por um resultado melhor juntamente com seu companheiro, contribui bastante para aumentar a aderência aos treinos e consequentemente, aumentar a prática regular de exercícios físicos.

A dica é, se você gosta da modalidade, treine, mas sempre tenha cuidado e evite imprevistos.

Bons treinos!

João Pedro: Graduado em Educação Física / Mestrando em Ciências da Saúde (@navesjp)
Ricardo Viana: Graduado em Educação Física / Doutorando em Ciências da Saúde (@prof.ricardoviana)

João Pedro: Graduado em Educação Física / Mestrando em Ciências da Saúde (@navesjp) Ricardo Viana: Graduado em Educação Física / Doutorando em Ciências da Saúde (@prof.ricardoviana)

No comments

Deixe uma resposta

UserOnline

SAIBA MAIS